Contador de visitas

utilizadores online
14/02/2016 | 19:35 | Esporte Com time misto, Inter empata em 1 a 1 com o Aimoré pelo Gauchão Partida foi disputada em São Leopoldo, no Cristo Rei

Inter e Aimoré se enfrentaram pela quarta rodada do Gauchão (Foto: Félix Zucco / Agencia RBS)


Em partida marcada pelo forte calor, pela pouca presença de público e pela ausência de titulares colorados, Inter e Aimoré empataram em 1 a 1 pela quarta rodada do Gauchão. Os gols foram marcados logo cedo no primeiro tempo por Aylon e Mateus.


"O Inter não consegue pegar a segunda bola, erra a bola, dá contra-ataque. O campo é pesado. Está tudo ao contrário do que a gente falou, era para preservar a bola". A frase de Alex na saída do primeiro tempo, quando o Inter ia ao vestiário com um empate em 1 a 1 marcado no placar, sintetiza a dinâmica (ou falta dela) da primeira metade da partida.


A impressão, no início, porém, era a de que o confronto iria ser movimentado. Logo aos sete minutos, Alex recebeu na ponta esquerda e lançou Geferson, que se deslocava em direção à linha de fundo. Quase no fim do campo, o lateral - que voltou ao time depois de quatro meses fora em decorrência de lesão no ombro - cruzou para Aylon que, do meio da área, saltou mais alto que a defesa adversária e completou para o fundo das redes de Alecsandro.


O Aimoré não demorou para responder. Cinco minutos depois, após falha da zaga colorada, os donos da casa deixaram o marcador em igualdade. Pela esquerda e em velocidade, Diego Viana avançou para cruzar para a área. Eram quatro defensores do Inter contra três jogadores do Aimoré. Mesmo com a vantagem numérica, os colorados assistiram a bola encontrar Mateus, que finalizou para empatar.


O buraco na defesa colorada foi quase uma regra nos ataques dos donos da casa. Aos 14 minutos, Alan Costa afastou, em cebeceio, um lançamento direto nos pés de Elias, que esperava o rebote na frente da área. Ele chutou por cima do gol. Instantes depois, Réver falhou em rebatida e deu espaço Diego Viana cabecear livre, mas para fora.


Os cerca de 600 torcedores que assistiram à partida no Cristo Rei, que teve apenas 900 lugares liberados pelos Bombeiros, a partir da metade do primeiro tempo, tinham apenas as novidades no time do Inter como atração em campo. O confronto perdia competitividade, e o calor atrapalhava. Uma parada técnica foi autorizada pelo árbitro para hidratação dos atletas, mas ambas equipes perderam força ofensiva.


No intervalo, Argel Fucks promoveu a entrada de Gustavo Ferrareis no lugar de Anderson para o segundo tempo. A troca deu uma nova dinâmica ao Inter, que conseguiu criar mais. Aos oito minutos, o gol não saiu por detalhe: após o Aimoré não conseguir sair jogando de seu campo de defesa, os colorados recuperaram a posse na intermediária. Marquinhos recebeu pela direita e cruzou para Alex, dentro da pequena área. O meia pegou fraco, mas o goleiro adversário se atrapalhou, e Diego Rocha salvou em cima da linha.


O Aimoré também teve boas chances, que pararam nas mãos de Alisson. A primeira, aos 11, Elias arriscou chute forte de dentro da área após deixar a marcação colorada para trás, e o goleiro do Inter espalmou para escanteio. Já a segunda, um minuto depois, a tentativa foi da intermediária, por João Henrique.


A movimentação da segunda etapa destoava daquela na primeira parte do jogo. Na sequência, o Inter criou duas chances de voltar à frente do placar. Alex, na bola parada, chutou para fora, e Marquinhos, em jogada trabalhada dentro da área, finalizou por cima.


Na tentativa de dar mais ofensividade ao Inter, Argel sacou Geferson do time para o ingresso de Bruno Baio. Alex, meia, foi deslocado para a lateral esquerda. Porém, não foi o suficiente para o placar sair da igualdade obtida desde os 12 minutos do primeiro tempo.


FICHA TÉCNICA:


Gauchão – 4ª rodada (14/2, domingo, às 17h)


Aimoré 1x1 Inter


Local: Cristo Rei, São Leopoldo


Aimoré: Alessandro; Diego Superti, Cesar Lucena, Diego Rocha e Tiago Soares (Arilton); Talysson (Toto), Mateus, Elias, Danilo Goiano e João Henrique; Diego Viana (Cesar Santin). Técnico: Abel Ribeiro


Inter: Alisson; Paulo Cézar, Alan Costa, Rever, Geferson (Bruno Baio); Jair, Fabinho, Anderson (Gustavo Ferrareis), Alex; Marquinhos (Alisson Farias) e Aylon. Técnico: Argel Fucks


Gols: Aylon, aos 7, e Mateus, aos 12 minutos do primeiro tempo.


Cartões amarelos: César Lucena, Mateus e Talysson (AIM); Alan Costa, Gustavo Ferrareis, Jair (INT)

Fonte: Rádio Gaúcha


Localizar notícia:

Jornalista Responsável: Paulo Airton Pires Marques
Reg. Prof. MTE/DRT/RS n° 16408
CNPJ: 15251707/0001-48
Telefone: 55 9645-2601(Whatsapp)
E-mail: paulomarquesnoticias@paulomarquesnoticias.com.br
Rua Professor Del Aglio, 128, Três de Maio-RS - CEP 98910-000