Publicidades

08/01/2022 | 07:00 | Polícia

Mulher é encontrada morta em carro carbonizado e marido é suspeito, diz polícia

Investigações iniciaram depois que o marido da vítima chegou ao hospital, em Dionísio Cerqueira, com ferimentos por queimadura.

Cleci Kehl Zeppe, de 34 anos, foi encontrada morta em um carro carbonizado em SC - Redes sociais/Divulgação

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar a morte de Cleci Kehl Zeppe, de 34 anos, encontrada dentro de um carro carbonizado em Dionísio Cerqueira, no Oeste catarinense, na quinta-feira (6). Segundo o delegado regional de São Miguel do Oeste, Wesley Almeida Andrade, o caso é tratado como feminicídio.

O caso ocorreu por volta das 9h50, no Centro cidade, segundo a Polícia Militar. A vítima foi localizada, conforme a Polícia Civil, depois que um homem foi levado ao hospital com queimaduras pelo corpo, na quinta. Ele disse aos policiais que tinha colocado fogo no próprio veículo, onde também estaria a companheira dele.

Com as informações, policiais civis e militares foram até o local indicado e encontraram a vítima, carbonizada.

"O suspeito teria dito que quando ateou fogo no veículo ela já estava morta. Mas ainda precisamos receber alguns laudos para confirmar isso", disse o delegado Claudir Stang, que investiga o caso.

O suspeito, que teve a prisão preventiva decretada, está sob custódia policial na unidade hospitalar de São Miguel do Oeste, onde se recupera da cirurgia, conforme Stang. A polícia aguarda a alta do homem. Familiares serão ouvidos para a conclusão do inquérito, informou o delegado.

Este foi o segundo caso registrado em Santa Catarina em 2022, segundo dados da Secretária de Estado de Segurança Pública (SSP).

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades