Publicidades

08/06/2022 | 05:33 | Saúde

Segunda dose de reforço em pessoas a partir de 50 anos e profissionais de saúde começará com Janssen e AstraZeneca no RS

Estado distribuiu 191 mil vacinas aos municípios nesta terça-feira (7); aplicação das doses começa na quarta (8)

Reprodução internet

Nos primeiros dias, a segunda dose de reforço (ou quarta dose) de vacina contra covid-19 para a população entre 50 e 59 anos e dos profissionais de saúde será feita com os imunizantes Janssen e AstraZeneca no Rio Grande do Sul. Esta etapa da imunização começa nesta quarta-feira (8) no Estado — mas, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), ainda não incluirá Porto Alegre.

Antes, a Pfizer era utilizada como a vacina prioritária nas doses de reforço. No entanto, a previsão é a de que o Estado receba apenas na próxima semana, 1,2 milhão de doses da vacina da Pfizer. Só então esse imunizante voltará a ser usado de forma prioritária na vacinação do grupo. 

De acordo com o Ministério da Saúde (MS), as vacinas Pfizer, Janssen e AstraZeneca podem ser usadas no segundo reforço, independentemente da dose aplicada anteriormente. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), o Estado distribuiu 191 mil vacinas aos municípios nesta terça-feira (7). No RS, estão aptos para receber a vacina 772.162 adultos, com idades entre 50 e 59 anos, e 283.117 trabalhadores da saúde.

A aplicação da segunda dose de reforço deve ocorrer com um intervalo mínimo de quatro meses a partir do primeiro reforço (terceira dose).

 A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Porto Alegre informou não ter conhecimento sobre o número de doses que serão recebidas pelo município e que não tem imunizantes suficientes para iniciar a aplicação das vacinas nesta quarta-feira.

Fonte: GZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades