Publicidades

06/06/2014 | 18:08 | Esporte

Com gol de Fred, Brasil vence a Sérvia no Morumbi

Após primeiro tempo com dificuldades, centroavante definiu o resultado no Morumbi

Fred comemora o único gol do jogo (Foto: Wander Roberto / Agência/VIPCOMMM)

Foi com enormes dificuldades que o Brasil passou pela Sérvia em seu último teste antes da Copa do Mundo. Após um primeiro tempo em que foi dominado pelo adversário, o time de Felipão contou com um belo gol de Fred para bater os europeus no Morumbi.
O cronômetro recém havia disparado quando veio o primeiro susto da tarde. Ainda no círculo central, onde havia dado a saída ao lado de Fred, Neymar sofreu falta dura de Matic e ficou no chão, contorcendo-se de dor. Não demorou muito para se levantar, mas as preocupações de Felipão não se limitaram aos lances ríspidos e às discussões que se repetiram entre jogadores na primeira etapa.
A pressão brasileira diante de organizadas linhas de quatro da Sérvia não surtia efeito. Adiantada no campo, a Seleção tentava furar o bloqueio, mas não conseguia criar espaços. Do outro lado do campo, via o adversário ameaçar em reiteradas oportunidades claras de gol.
O lado esquerdo sérvio era responsável pelos maiores sustos. Kolarov invadiu a área e bateu rasteiro, na rede pelo lado de fora, aos 9. O lateral teria outra chance aos 30, quando recebeu na área e chutou por baixo, obrigando Julio César a intervir com os pés antes de David Luiz afastar o perigo. Dois minutos depois, Tadic colocou cruzamento na cabeça de Mitrovic, que testou à direita do gol de Julio César.
Enquanto isso, um chute potente de Fred da entrada da área era a única investida de perigo dos comandados de Felipão.
— Quando a gente domina, tem três, quatro, nos pressionando para tomar a bola — reconheceu o centroavante no intervalo.
Mesmo com a entrada de Willian no lugar de Oscar, o panorama parecia ser o mesmo nos minutos iniciais da segunda etapa, mas um belo lançamento de Thiago Silva, que encontrou Fred na área, mudou o placar. O centroavante dominou no peito e finalizou na saída do goleiro para abrir o marcador, aos 13 minutos.
O Brasil pressionou por mais alguns minutos e ainda teve um gol mal anulado de Hulk, enquanto seguia dando espaços demais na defesa. Foi o suficiente, porém, para encerrar a preparação para a Copa com uma vitória, ainda que magra.

Fonte: Zero Hora

Mais notícias desta categoria

Publicidades