Publicidades

26/08/2020 | 16:10 | Educação

FAHOR - Campus Arnoldo Schneider na trilha da acessibilidade e inclusão

Fahor/divulgação

Entre os dias 21 e 28 de agosto é celebrada a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla. Instituída pela Lei Federal  nº 13.585/2017, tem por objetivo promover o desenvolvimento de ações para promover a inclusão social desse segmento populacional, visando também reduzir o preconceito e a discriminação das pessoas e familiares.

Neste sentido, ao longo desta semana, a FAHOR reitera a importância de discutir o assunto com estudantes, professores e colaboradores, na perspectiva de que cada vez mais o mundo do trabalho tem criado espaços para a inclusão de pessoas com deficiências em diferentes ambientes. Isso exige dos profissionais maior sensibilidade ao tema, considerando que é responsabilidade de todos os segmentos da sociedade ocupar-se com atitudes que promovam e garantam a dignidade da pessoa humana.

Além de tratar desses temas, foram implementadas sinalizações a fim de melhorar o acesso aos ambientes institucionais por aqueles que delas necessitam. E, desde o projeto arquitetônico inicial os prédios do Campus Arnoldo Schneider já contam com rampas de acesso, elevadores e piso tátil.

Aos estudantes, principalmente, a FAHOR disponibiliza uma série de audiolivros em sua Biblioteca Digital, computadores com teclados acessíveis para baixa visão, classes, bancadas e espaço no Auditório e na Sala de Estudos, identificados e sinalizados para uso de cadeirantes e, no início desse semestre foi concluída a sinalização dos ambientes em Braile, desde setores administrativos até laboratórios, a fim de atender essas necessidades e colaborar para a autonomia de cada pessoa. Juntos, o CFJL e FAHOR possuem 10 PCD’s no seu quadro de colaboradores que também são beneficiados com essas melhorias.

Nesse sentido, ao executar essas ações a Instituição contribui com a difusão do conhecimento, na aplicabilidade das normas e regras de acessibilidade trazendo  soluções práticas e seguras para cumprir com as necessidades.

Também vale destacar o incentivo na qualificação, ao ofertar o Curso de Libras de forma gratuita a fim de incentivar o conhecimento desta linguagem e ampliar o acesso à informação e à comunicação de surdos, garantindo mais espaço e autonomia para eles em sua própria comunidade. No YouTube é possível acompanhar o vídeo institucional da FAHOR, com tradução para a Língua Brasileira de Sinais.

Fonte: Assessoria Fahor

Mais notícias desta categoria

Publicidades