Publicidades

23/10/2020 | 06:18 | Polícia

Ministério Público denuncia cinco pessoas pela morte de jovem em Soledade

Dos denunciados, um está foragido, três estão presos e outro está em liberdade, segundo o MP. Corpo de Paula Schaiane Perin Portes foi encontrado em agosto, no interior do município

Corpo de Paula Perin Fortes foi encontrado em agosto - Arquivo pessoal

O Ministério Público denunciou cinco pessoas, nesta quinta-feira (22), pela morte da jovem Paula Schaiane Perin Portes, de 18 anos, em Soledade, na Região Norte do RS. Dos cinco denunciados, um está foragido, três estão presos e o o quinto está em liberdade.
De acordo com o promotor Bill Jerônimo Scherer, quatro deles responderão por homicídio sextuplamente qualificado, ocultação de cadáver e organização criminosa. O quinto envolvido responderá apenas pelos dois últimos crimes.
Segundo a denúncia, Paula foi morta por motivo torpe, caracterizado pelo desejo de vingança de um dos denunciados. Ela teria presenciado, conforme o MP, cenas de agressão praticadas pelo suspeito contra sua ex-companheira e também para que não contasse sobre o envolvimento dos denunciados com o crime organizado, com o tráfico de drogas e com cargas ilegais de cigarros.
Relembre o caso
Conforme a denúncia do MP, na noite de 10 de junho, um dos denunciados atraiu Paula para um imóvel localizado no bairro Fontes, em Soledade. Lá, junto a três comparsas, mataram a jovem de 18 anos por asfixia.
"Para perpetrar o delito, um dos denunciados, dissimulando a intenção homicida, convidou a vítima, com quem já mantinha contato prévio por meio de redes sociais, para que se encontrassem sob o pretexto de ali confraternizarem", diz o MP na denúncia.
Em seguida, carregaram Paula até um veículo e a levaram a uma propriedade rural pertencente à família de outro dos denunciados, onde o corpo foi ocultado. Os suspeitos, inclusive, teriam colocado galhos e plantas sobre a terra revolvida.
"Algum tempo depois da ocultação, após perceberem a enorme comoção gerada na comunidade pela morte brutal da jovem Paula e temendo que as autoridades policiais obtivessem informações a respeito do paradeiro do corpo ocultado, dois dos denunciados retiraram o cadáver do local inicial e o moveram até outra propriedade rural, na localidade de Rincão do Bugre", detalha a denúncia.
Em 4 de agosto, a polícia encontrou em um açude a bolsa e objetos pessoais de Paula. O corpo dela foi encontrado na madrugada de 17 de agosto.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades