Publicidades

24/10/2020 | 07:09 | Polícia

Jovem é presa por suspeita de auxiliar padrasto em 'golpe dos nudes' em Pelotas

Ela foi detida em flagrante quando tentava sacar R$ 2 mil. Padrasto está preso, na penitenciária da cidade, e ela foi levada ao presídio de Rio Grande

Jovem de 18 anos foi presa tentando sacar R$ 2 mil de vítima de extorsão - Reprodução/RBS TV

Uma jovem de 18 anos foi presa em Pelotas, no Sul do estado, suspeita de participar do “golpe dos nudes” com o padrasto. Ela foi detida em flagrante quando tentava sacar R$ 2 mil depositados por uma das vítimas do golpe.
A jovem foi levada ao Presídio Estadual de Rio Grande. O padrasto também está preso e a polícia não descarta o envolvimento de outras pessoas.
Pelas redes sociais, o padrasto e ela extorquiam as pessoas fazendo com que elas enviassem fotos íntimas para, depois, chantageá-las. Segundo a Polícia Civil, a jovem, com um perfil falso, iniciava uma conversa, especialmente com homens mais velhos e casados.
Ela adicionava alvos do golpe e, conforme a conversa avançava, solicitava as imagens. Depois, os dois pediam dinheiro para que as fotos e conversas não fossem divulgadas.
“Esses golpes geralmente são praticados por presidiários, que têm comparsas ou familiares na rua que fazem os saques nas contas em que as vítimas depositaram o dinheiro”, explica o delegado Gustavo Pereira.
O dinheiro que ela tentava sacar era de um morador de Santa Catarina. A Polícia Civil estava, há dois meses, investigando possíveis vítimas deste crime.
“A Polícia Civil orienta que não se troquem fotos íntimas pelas redes sociais e, caso isso ocorra e a pessoa seja vítima desses golpistas, denuncie e registre imediatamente nos órgãos policiais. E também traga as transferências de depósitos para os criminosos para auxiliar nas investigações”, alerta o delegado.
Os envolvidos devem responder por estelionato, que tem pena de um a cinco anos de prisão, e também por extorsão, que pode chegar a 10 anos de detenção.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades