Publicidades

25/11/2020 | 18:26 | Polícia

Queimadas em São Paulo das Missões já atingiram cerca de 40 hectares

Fogo havia sido controlado durante a madrugada, mas retornou com os ventos da manhã

Reprodução/Milton Kunst

O município de São Paulo das Missões enfrenta pontos de queimadas desde segunda-feira (23). Segundo a prefeita Noila Ruwer, os primeiros focos foram nas localidades de Dona Helena Norte e nas proximidades da Gruta, ambas localizadas no interior. Nestes locais, o fogo foi rapidamente controlado.

 

Ontem (24) pela manhã, no entanto, novos pontos de queimada exigiram uma mobilização dos bombeiros, servidores da prefeitura, agricultores, equipes da Cermissões, entre muitos outros voluntários. Caminhões pipa, tratores e todo o maquinário disponível foram utilizados para “abrir picadas” e formar valas, com o objetivo de conter a disseminação das chamas.

 

O trabalho se estendeu por três turnos e só foi encerrado na madrugada desta quarta-feira, quando os focos haviam sumido. Hoje pela manhã, contudo, o vento formou novos pontos de queimadas.

 

A área atingida é formada por vegetação baixa, mas também por áreas de mata. A estimativa da prefeitura é que já tenham sido atingidos cerca de 40 hectares.

 

O receio é que o fogo avance para uma plantação de eucaliptos de 17 hectares, o que poderia  resultar em uma situação muito mais difícil de ser controlada. Em termos materiais, somente uma casa de veraneio, que ficava na área onde iniciou o incêndio, acabou atingida. Ninguém morava no imóvel.

 

A prefeita Noila Ruwer, que na semana passada decretou Estado de Emergência por causa da estiagem, com o advento desta nova situação não descarta um decreto de Calamidade Pública.

Fonte: Rádio São Luiz

Mais notícias desta categoria

Publicidades