Publicidades

25/11/2020 | 22:04 | Polícia

Fundador da banda Brilha Som morre em acidente de trabalho no Caí

Luis Fabiano Motta, de 46 anos, teria sido vítima de choque elétrico - Reprodução/FN

Luis Fabiano Motta, de 46 anos, morreu em acidente de trabalho, na manhã desta quarta-feira, dia 25, por volta de 10h. Conforme informações, ele teria morrido eletrocutado, num poste, no bairro Conceição, em São Sebastião do Caí.

 

A banda Brilha Som, uma das principais da região e do Estado, que tem sede na Feliz, postou homenagem a Fabiano em sua página no facebook. “É com muita tristeza e profundo sentimento que informamos o falecimento de um dos fundadores da banda Brilha Som, nosso querido Luís Fabiano Motta. Uma pessoa incrível, a quem só temos a agradecer pelas alegrias e o legado deixado. Que Deus traga conforto e força aos familiares nesse momento tão difícil.”

 

Muitas são as homenagens nas redes sociais ao músico, que morava no bairro Conceição, do Caí, e estaria trabalhando atualmente como motorista numa empresa local de entrega e materiais de construção de São Sebastião do Caí. A Brigada Militar isolou o local para o levantamento da Polícia Civil e perícia.
Segundo apurou a Polícia Civil, foi um acidente de trabalho com morte, por eletroplessão. “Operava caminhão para realizar a entrega e colocação de um poste de entrada de luz, quando um fio de alta tensão da rede elétrica encostou no caminhão e causou o acidente”, informa a Delegada Cleusa Spinato. A Polícia Civil vai investigar as circunstâncias do acidente.

 

Fabiano era bastante conhecido e estimado. Além de cantor, tocava vários instrumentos e também era professor de música. Tamb´mem integrava o Movimento Cenáculo de Maria da igreja Católica. Deixa esposa, casal de filhos, neta, demais familiares e um incontável número de amigos e admiradores.

Fonte:

Mais notícias desta categoria

Publicidades