Publicidades

15/02/2021 | 05:30 | Esporte

Grêmio perde para o São Paulo na Arena e se afasta do G-4 do Brasileirão

Tricolor gaúcho saiu na frente com Diego Souza, mas cedeu resultado no segundo tempo

Marco Favero / Agencia RBS

O Grêmio desperdiçou mais uma chance de ingressar no G-5 do Brasileirão e, ao mesmo tempo, de se garantir matematicamente na Libertadores 2021. Em duelo direto contra o quarto colocado São Paulo, o Tricolor perdeu por 2 a 1, na Arena, na noite deste domingo (14). Diego Souza abriu o placar, mas Tchê Tchê e Luciano decretaram a virada paulista.


Estacionados em sétimo lugar, com 56 pontos, os comandados de Renato Portaluppi terão agora de torcer para que o Fluminense, que ocupa a quinta colocação, não vença o Ceará, nesta segunda-feira (15), aumentando a distância para quatro pontos.


Querendo mostrar serviço ao futuro técnico Hernán Crespo, que foi anunciado para abrir a nova temporada no Morumbi, os são-paulinos tomaram a iniciativa e, logo no primeiro minuto, o volante Luan bateu forte por cima do travessão de Vanderlei.

 

Sem o zagueiro Kannemann, que se queixou de dores musculares durante a semana, a equipe gremista tinha no capitão Maicon seu trunfo para que a bola permanecesse por mais tempo em pés gremistas. Assim, o time gaúcho foi trocando passes de maneira paciente, mas sem conseguir encontrar brechas na defesa visitante.

 

As primeiras oportunidades vieram aos 23 minutos, quando Tiago Volpi interceptou lançamento para a área e, no rebote, Diego Souza o obrigou a se esticar todo para evitar que a bola entrasse. No escanteio, Alisson desviou de cabeça e tirou tinta da trave. A resposta do São Paulo não demorou a vir, com Vitor Bueno aparecendo sozinho, em um descuido da marcação, para finalizar nas mãos de Vanderlei.

 

O susto não abateu o Grêmio, que seguiu se impondo até abrir o placar. Aos 32, a zaga paulista se atrapalhou para cortar uma cobrança de escanteio e a bola sobrou nos pés do artilheiro Diego Souza, que encheu o pé: 1 a 0. O gol fez com que o Tricolor diminuísse seu ímpeto, tratando de controlar a vantagem até o intervalo.

 

Na volta para a segunda etapa, um velho problema voltou a preocupar o Tricolor. Apresentando dores musculares, Maicon deixou o time, para a entrada de Lucas Silva. A mudança fez o São Paulo tomar conta da bola. A partir daí, o jogo também começou a ficar mais disputado fisicamente. Em bate-boca, Paulo Miranda e Gonzalo Carneiro receberam os primeiros cartões amarelos.

 

Encurralado em seu campo de defesa, o time gremista se limitava a cortar a troca de passes dos visitantes. Até que, aos 17 minutos, Tchê Tchê dominou na entrada da área e acertou o canto direito de Vanderlei, deixando tudo igual no marcador.

 

Logo após o empate, Alisson tentou recolocar o Grêmio em vantagem, chutando de fora da área, mas o restante da equipe não o acompanhou na reação. O reflexo disso se deu aos 21, quando Luciano passou como quis pelos zagueiros e, contando com um desvio no meio do caminho, decretou a virada: 2 a 1.

 

O gol fez Renato apelar para uma substituição tripla. Sacou Paulo Miranda, Victor Ferraz e Jean Pyerre, colocando Luiz Fernando, Thaciano e Pinares. No entanto, quem esteve perto de marcar outra vez foram os paulistas, com Daniel Alves acertando a trave. Para piorar o quadro, o chileno Pinares ainda acabou expulso nos acréscimos.

 

Faltando duas rodadas para o encerramento do campeonato, o time gremista faz as contas para não ficar apenas na dependência da final da Copa do Brasil. O próximo compromisso é apenas no próximo domingo, quando recebe o Athletico-PR.

Fonte: GZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades