Publicidades

07/03/2021 | 07:09 | Polícia

PM morre atropelado por criminosos que arremessavam objetos para dentro de presídio em Erechim

Fato aconteceu depois que a Brigada Militar deu início ao cerco para prender dupla

Monza em que estavam os bandidos se chocou contra outro veículo - Brigada Militar / Divulgação

Um policial militar morreu neste sábado (6) ao ser atropelado por dois bandidos que arremessavam objetos para dentro do Presídio de Erechim, no norte do Rio Grande do Sul. Eles estavam em um Monza quando foram flagrados pelo serviço de videomonitoramento do local, e guarnições da Brigada Militar (BM) se aproximaram para prendê-los. 

 

Ao desembarcarem da viatura, a guarnição da Força Tática foi surpreendida pelo veículo, que, em alta velocidade, atingiu o soldado Jhonatan Grendene Caverzan Maximovitz e colidiu contra outro carro.


O governador Eduardo Leite se manifestou pelas redes sociais sobre o fato, afirmando que o soldado "levou ao extremo o juramento de defender a sociedade gaúcha com a própria vida". "Os criminosos não ficarão impunes", escreveu o governador.

 

O velório do PM está marcado para este domingo (7), no horário das 7h às 11h na Capela Funerária Gruber, em Getúlio Vargas, no Norte. O enterro também será neste município.

Fonte: GZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades