Publicidades

29/05/2021 | 21:30 | Esporte

Juventude cede empate ao Cuiabá no final e soma um ponto na estreia do Brasileiro

Gol da igualdade do time do Mato Grosso saiu aos 42 minutos do segundo tempo

Juventude, do atacante Capixaba (C), empatou com o Cuiabá do meia Rafael Gava (D) - Fernando Alves / Juventude,Divulgação

O retorno do Juventude à elite do futebol brasileiro poderia ter sido melhor. Não que conquistar um ponto fora de casa seja um mau negócio. Porém, a vitória contra o Cuiabá, na noite deste sábado (29), escapou aos 42 minutos do segundo tempo depois de o Papo ter buscado a virada ainda na primeira etapa. Com isso, o 2 a 2 na Arena Pantanal foi um bom placar, mas o resultado ficou aquém daquilo que a partida se apresentava.


Jonathan Cafú abriu para o Cuiabá, enquanto Wescley e Matheus Peixoto deram a vantagem para o Ju. O gol da igualdade frustrante para a equipe alviverde veio com Elton. No próximo domingo (6), o Juventude recebe o Athletico-PR, na volta ao Estádio Alfredo Jaconi.

 

Sem o técnico Marquinhos Santos, que ficou em Caxias por orientação médica e sequer realizou os novos testes da covid-19, o auxiliar Eduardo Barros promoveu a estreia de Michel Macedo e Chico na equipe titular. Além disso, manteve Alyson na lateral esquerda, situação que já acontecia na reta final do Gauchão.

 

O começo do confronto teve o Cuiabá arriscando com Anderson Conceição. Aos quatro minutos, Uendel cruzou da esquerda e o zagueiro tentou de voleio, mas sem direção. Aos oito, novamente a dupla do time de Mato Grosso se repetiu. Desta vez, o defensor cabeceou com violência, mas por cima do gol de Carné.

 

O Juventude teve a primeira chegada aos 16, em uma jogada de laterais. Michel Macedo avançou pela direita, cruzou para a segunda trave, onde Alyson se apresentava. Porém, o ala esquerdo não conseguiu finalizar com precisão.

 

O equilíbrio do jogo, com leve superioridade dos donos da casa, virou vantagem para o Cuiabá aos 28. Guilherme Castilho perdeu a bola no ataque, pediu falta, mas o árbitro nada assinalou. Alyson ainda conseguiu domínio, porém teve a bola roubada por Jonathan Cafú. O atacante tabelou com Clayson, recebeu de volta, limpou a marcação e finalizou para abrir o placar na Arena Pantanal: 1 a 0 para o time do Centro-Oeste.

 

O Cuiabá quase ampliou com um ex-jogador do Caxias. Aos 37, Elton fez um corta-luz para Rafael Gava. O meia arriscou e a bola foi à esquerda do gol de Marcelo Carné, pela linha de fundo.

 

A partir daí, o Papo mostrou força no Mato Grosso. Aos 42, Wescley iniciou contra-ataque, tocou para Alyson e foi para a área. O lateral-esquerdo cruzou, Pepê, do Cuiabá, tentou o domínio, mas deixou a bola à feição de Wescley, que mandou sem chances para Walter: 1 a 1.

 

Três minutos depois, a virada alviverde. Aos 45, o Juventude saiu trocando passes com Chico até a bola chegar para Capixaba. O atacante avançou e cruzou para o meio da área, onde Matheus Peixoto finalizou de primeira para o fundo das redes. O Papo terminou o primeiro tempo do retorno à elite vencendo por 2 a 1.

 

Na volta do intervalo e com a vantagem, o Juventude começou buscando fortalecer na marcação para seguir na frente do placar. O Cuiabá, por sua vez, tentou aos seis minutos, com Jonathan Cafú cruzando e Elton, que se esticou na direção da bola, não alcançando. Aos 12, Clayson levanta e Marllon cabeceia para o chão, tentando tirar de Carné, mas a bola subiu muito.

 

A resposta do Juventude quase veio com o terceiro. Guilherme Castilho cruzou da direita e Chico apareceu cara a cara com Walter. O meia alviverde finalizou, sem tanta força, e o goleiro do Cuiabá conseguiu fazer a difícil defesa.

 

Na tentativa do empate, João Lucas aproveitou rebote e arriscou com força, de sem pulo, passando perto do gol defendido por Carné, aos 17.

 

Aos 22, após cruzamento para a área do Juventude, Elton tentou o cabeceio enquanto Vitor Mendes esticou a perna para fazer o corte, para reclamação do Cuiabá. O árbitro Dênis Serafim não marcou pênalti no campo e, após chamado pelo VAR, manteve sua sinalização de campo.

 

Na tentativa de ampliar, o volante João Paulo quase surpreendeu. Aos 37, o capitão alviverde aproveitou a sobra da intermediária e finalizou à esquerda do gol de Walter, que apenas acompanhou.

 

Quando parecia que nada mais aconteceria e a vitória do Juventude viria, um filme do jogo se repetiu: falha de Alyson, ao 42. Guilherme Pato cruzou da esquerda, Elton se apresentou para o cabeceio e o lateral do Juventude, imóvel, não subiu e o centroavante do Cuiabá fuzilou: 2 a 2 e um resultado que ficou abaixo do que a segunda etapa apresentava.

Fonte: GZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades