Logomarca Paulo Marques Notícias

02/04/2024 | 22:58 | Esporte

Grêmio perde para o The Strongest na largada da Libertadores

Equipe alternativa escalada por Renato foi derrotada com gols de Ursino e Triverio

Equipe alternativa escalada por Renato foi derrotada com gols de Ursino e Triverio
Mas quem abriu o placar foi o meio-campista Ursino, de cabeça. Aizar Raldes / AFP

A Libertadores 2024 começou com derrota para o Grêmio. Na temida altitude de 3,6 mil metros de La Paz, o time reserva do Tricolor foi combativo e até poderia ter voltado ao Brasil com pontos na bagagem nesta terça (2). Mas dois erros da defesa deram ao The Strongest os gols da vitória por 2 a 0 no Estádio Hernando Siles. 

Ursino e Triverio marcaram para os bolivianos, que lideram o Grupo C até a partida desta quarta (3), entre Huachipato e Estudiantes. Agora, o Grêmio foca suas energias para a final do Gauchão no próximo sábado (6), quando receberá o Juventude na Arena.

Como esperado, o Grêmio teve time reserva em sua estreia na Libertadores. Marchesín foi o goleiro escolhido por Renato. Natã e Gustavo Martins formaram a dupla de defesa. Fabio e Wesley Costa foram os laterais. Dodi, Du Queiroz e Nathan eram os nomes do meio-campo, com Nathan Fernandes e Galdino pelos lados e J.P Galvão no comando do ataque. 

Empurrado pela sua torcida e à vontade na altitude, o The Strongest começou pressionando o Grêmio. Mas o time da casa só assustou aos 10 minutos, em lance que evidenciou como a velocidade da bola no ar rarefeito é venenosa. A tentativa de cruzamento de Lino ganhou o rumo do gol de Marchesín e parou no travessão, dando susto nos tricolores.

Outra bola na área chegou ao pé direito de Triverio, mas Gustavo Martins foi rápido e evitou a finalização do atacante aos 13 minutos. Na terceira tentativa, o The Strongest converteu. O cruzamento aproveitou falha de Wesley Costa, encontrando a cabeça de Ursino, que acertou o ângulo de Marchesín: 1 a 0.

O gol, no entanto, reduziu o apetite dos bolivianos. E o Grêmio soube aproveitar isso para crescer em campo. Principalmente ao acertar a marcação no meio-campo. Aí Galdino, em cobrança de falta, foi o responsável pela primeira finalização no gol dos bolivianos. O chute da intermediária acertou um jogador na barreira e o Grêmio teve um escanteio a seu favor. 

Mas foi de J.P Galvão a melhor oportunidade de empatar no primeiro tempo, aos 29. O centroavante recebeu de Galdino na entrada da área e arriscou de pé esquerdo. O chute saiu sem muita força e Viscarra fez a defesa no meio do gol.

Em outra escapada, Nathan Fernandes tentou golaço aos 36. Ele avançou pela esquerda, driblou para o centro da área e bateu buscando o ângulo, perto da trave. Ortega respondeu para os donos da casa. O camisa 10 tabelou com Triverio, invadiu a área e bateu rasteiro, mas Marchesín fez a defesa para evitar o segundo dos bolivianos.

Triverio amplia no segundo tempo

Satisfeito com a atuação, Renato não fez mudanças para a segunda etapa. E a aposta quase se provou acertada. Nathan cobrou um escanteio para a área, Natã cabeceou, Viscarra deu um tapa na bola e J.P Galvão arriscou o chute da entrada da área. A bola sobrou ainda para Galdino, que chutou em cima do goleiro adversário e desperdiçou a oportunidade.

De fora da área, Galdino arriscou e forçou Viscarra a fazer boa defesa aos oito minutos. Renato viu seu time em bom momento e resolveu colocar fôlego novo: Zé Guilherme e Cheron entraram nos lugares de Wesley Costa e Nathan. A primeira contribuição do lateral foi positiva. Ele avançou pela esquerda e distribuiu dribles, mas faltou capricho no cruzamento.

Mas depois das chances que poderia ter aproveitado, o Grêmio vazou aos 27. Primeiro Marchesin fez defesa impressionante em falta de Ursino. Só que a defesa deixou Triverio completamente livre: o centroavante do The Strongest aproveitou o espaço e completou de cabeça para o gol, ampliando a vantagem para 2 a 0. 

Com o placar adverso, Renato recorreu a mais um menino. O atacante Riquelme, de apenas 17 anos, estreou no profissional. Besozzi foi a campo. Saíram Nathan Fernandes e Galdino.

Depois, Cheron pressionou Viscarra em saída de gol e quase teve chance de marcar. Os jogadores do Grêmio reclamaram de pênalti. O meia acabou sofrendo lesão no lance e foi trocado por Ronald após cinco minutos do Tricolor com um a menos. O jogo chegou ao fim com as duas equipes conformadas com o resultado.

A partir desta quarta, com todo o grupo reunido em Porto Alegre, Renato começará a montar a estratégia do Grêmio para o compromisso mais importante da semana. O Tricolor recebe o Juventude na Arena neste sábado para buscar o hepta do Gauchão.

Fonte: GZH
Mais notícias sobre ESPORTE